• ”Vamos aprofundar os estudos” falou Rogério Franco após retirar proposta de emenda à lei orgânica sobre o funcionalismo

    Por em novembro 22, 2017


    O prefeito de Cotia não havia se pronunciado sobre o assunto até ontem. Vereadores da base assinaram pedido de retirada da proposta durante vistoria em obra do Parque Linear do Turiguara

    Ao optar por rever e fazer novos estudos à proposta que provocaria corte de benefícios dos servidores municipais, como quinquênio e sexta parte, seria a indicação do prefeito de que as mudanças mais radiciais podem ser amenizadas ou simplesmente esquecidas.

    Na votação em primeiro turno na Câmara o projeto original foi rejeitado por 8 votos a 4. Como se trata de emenda de mudança da Lei Orgânica, a votação, obrigatoriamente, deveria ser feita em dois turnos. No entanto, o prefeito decidiu atender aos pedidos dos vereadores que o apoiam e retirar o projeto, já protocolado nesta terça-feira (21).

    Neste período os servidores se manifestaram contra o projeto, principalmente os professores da rede municipal, que compareceram às últimas sessões da Câmara de Vereadores para protestar.

    A justificativa apresentada pela prefeitura aos vereadores para justificar as alterações da Lei Orgância é que as mudanças resultariam numa economia de 14 milhões de reais por ano, dinheiro que seria destinado a investimentos em ações sociais à população, além de garantir o pagamento de salários em dia aos servidores.

    O anúncio da decisão de rever o projeto foi feito por Rogério Franco por meio de vídeo, publicado em sua rede social, onde ressaltou a necessidade de uma revisão da proposta, “nós vamos continuar com esse estudo, avançando, porque precisamos melhorar a qualidade de vida dos moradores e implantar um novo modelo de administração”.

    WhatsApp Image 2017-11-22 at 05.06.24

    Redação
    Redação
    View all posts by Redação
    Redaçãos website

    Deixe seu comentário