Professora do Zacarias defende diretor e diz denúncias não procedem

Por em novembro 25, 2016


Uma professora da Escola Zacarias Antonio da Silva, que pediu para não ser identificada “para não ser perseguida por colegas de trabalho”, escreveu ao cotiatododia em defesa do diretor Rogens Vasque e diz que denúncias apresentadas pelo grupo de professores, pais e alunos não refletem a verdade. E aproveita para elencar outro problemas disciplinares inclusive de professores na escola.

Abaixo a carta remetida para a jornalista Sonia Marques, que assina a matéria:

REPÚDIO

“Bom dia Sonia Marques, venho através desta me manifestar em relação ao que foi publicado ontem no jornal em matéria assinada por você. Deixo claro que o meu relato não é contra você nem ao jornal e sim a maneira baixa como estão tratando os assuntos da E. E. Zacarias Antonio da Silva.

Sou professora desta unidade escolar há algum tempo, trabalho nos três períodos da escola devido a minha classificação, isto não vem ao caso, o que importa é que sei o que acontece diariamente nesta instituição.

Estou muito triste e com muita raiva com maneira como um “pequeno grupo de pessoas antigas” da escola tem se manifestado usando o nome de todos os professores. Em sua matéria diz que os pais, alunos e professores estão  insatisfeitos com a gestão da escola. Digo a você que isto não é verdade, conheço os membros da gestão da escola há anos e nada do que foi publicado condiz com a verdade, tudo é transparente na escola, tudo é documentado e mostrado a todos, o nobre diretor Professor Rogens Wilson Vasque sempre nos tratou com cordialidade, respeito e dignidade, ele sempre foi uma pessoa maravilhosa, até o momento em que foi obrigado a cumprir a legislação: no meio do ano a escola recebeu um abaixo assinado pedindo a retirada da sala ambiente, eu faço parte do Conselho de Escola, fui convocada no dia para discussão sobre o tema, o que acontece? Os nobres colegas da escola, a maioria dos professores não foram, sabe o porque? Porque apenas alguns antigos permaneciam na mesma sala, o restante circulava pela escola, então qual o motivo de lutar por algo que uns dez professores tinham o direito devido a sua antiguidade na escola?

Nesta escola tinha um grupo de uns oito ou dez professores que mandavam na instituição, tudo era decidido por eles, e pela antiga gestão. O que acontece hoje em dia, todos tem o mesmo valor e o mesmo direito, isto se deve ao fato do diretor “autoritário” tratar todos com igualdade, sempre me senti um lixo nesta escola onde apenas estes dez eram os bambambam da escola, isto sim acabou depois da entrada deste diretor.

Sei que o Professor  que aparece nas redes sociais  juntamente com outros poucos estão fazendo isto, sei disso estou presente e sei o discurso dele, jogando sujo e com certeza orientado por pessoas fora ao recinto escolar.

Como pode se dizer que o diretor não está na escola, o vejo todos os dias, esta presente nos três períodos, até quando está de férias ele está na escola dando suporte e apoio a todos.

Todos têm o direito de se manifestar desde que assumam. Ninguém é ou foi perseguido aqui, sei bem o que digo, pois, eu já fui perseguida sei bem como é!

Queria te dar outra informação, os professores do noturno combinam para faltar deixando a escola um caos, alunos sem aula, (…)  os pais e alunos devem sim cobrar, cobrar uma aula de qualidade, a presença do professor na escola, o zelo com o patrimônio público, os professores marcam entrega de trabalhos e visto no caderno e não comparecem ao trabalho deixando os alunos insatisfeitos.

No dia do conselho de escola os professores que defenderam a retirada dessa sala ambiente a partir de então foram ignorados por alguns, tratados como leprosos foi só dar sua opinião.

De quem é o autoritarismo?

Os alunos estão me perguntando na sala de aula o porquê disso tudo, eles nem sabem de abaixo assinado, os poucos docentes estão criando um clima de desarmonia na escola.

Numa reunião sobre a conversa da sala ambiente, foi questionado sobre material, o professor respondeu ”que o problema não era dele o aluno que carregue seus materiais”, o professor não pode?

Onde ficam os alunos com necessidades especiais? Existem vários.

Nota de repúdio de uma professora que se sentiu traída e usada seu nome em algo indevido, injusto, infame e mentirosa.

Não vou me identificar, eu sim serei perseguida pelos colegas de “trabalho”?

Redação
Redação
View all posts by Redação
Redaçãos website

Deixe seu comentário