• Cotia realiza o Circuito Multicultural no Calçadão do Centro neste sábado

    Por em dezembro 8, 2017

    O evento promete várias intervenções culturais como música, dança, repente, poesia, exposições de fotografia, artes plásticas, artesanato e filmes para crianças que vão durar das 11 às 17h. É a primeira vez que acontece um evento com atrações simultâneas realizado pela Prefeitura no calçadão e no Espaço Movimenta Cotia.  

    Muitas atrações culturais, com apresentações artísticas e exposições, é o que promete os organizadores do evento que acontece na Rua Senador Feijó, no trecho conhecido como Calçadão, ao lado da Praça da Matriz.

    O acontecimento cultural, o primeiro no local desde que foi criado, promove uma sequência de atrações com artistas da cidade e convidados. Além das apresentações de dança, capoeira, performance de percussão, bandas com músicas dos anos 80, forró pé de serra, samba e tropicália, voz e violão, repentista, poesias, filmes para crianças, terá ainda exposições de fotografias, artes plásticas e artesanato local.

    As atrações musicais e de dança são inéditas na cidade.

    Entre elas está Fabinho Zabumbão e seu trio, cantor, compositor que atuou por 15 anos ao lado de Dominguinhos e acaba de lançar um CD em homenagem aos 100 anos de Luiz Gonzaga.

    A banda cotiana MAX BR4 quem vem conquistando cada dia mais espaço, liderada por Alex, vai cantar MPB e Rock dos anos 80.

    Banda Max BR4 (Foto: Divulgação)

    Banda Max BR4 (Foto: Divulgação)

    O percussionista Pedro Françolin estará acompanhado da atriz e bailarina Nathalia Saphyra com vários números.

    A Nathalia fará outras intervenções solo como uma homenagem à dança Afro e encerrará o evento com a interpretação da Ave Maria da Rua, de Raul Seixas.

    Almiro Repentista, um artista reconhecido em São Paulo, também fará várias intervenções durante o dia, brincando com os presentes.

    Um dos momentos esperados é a apresentação da Amanda NegraSim, rapper cotiana, carrega a experiência não só do hip-hop, mas agora conta com uma viagem à África e o retorno da sua ancestralidade, nas músicas.

    Amanda NegraSim (Foto: Arquivo pessoal)

    Amanda NegraSim (Foto: Arquivo pessoal)

    A menina cotiana Thayssa Almeida fará sua primeira apresentação solo no Calçadão com voz  e violão, cantando MPB.

     A Cia.de Dança Anaih Bela Flor, liderada por Beatriz Capobianco, com Danças Femininas – Tribal Fusion, será outra grande atração, à tarde, às 14h.

     E pela primeira vez Cotia recebe a bailarina Malayka Ghazala, às 16h. Ela, em virtude agenda, fará única apresentação às 16 horas.

    A exposição de fotografias é o resultado da oficina oferecida pela Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer na Biblioteca Batista Cepelos no mês de novembro, e que agora, os participantes poderão mostrar o resultado do aprendizado em forma de imagem. A artista e fotógrafa Bruna Grassi, responsável pela oficina, estará presente.  Serão 13 trabalhos com fotografias da cidade, captadas pelos alunos.

    As exibições de curta metragens no Espaço Movimenta Cotia, organizada pelo cineastas Luiz Júnior, buscam entreter as crianças, enquanto os pais curtem as atrações do circuito.

    Para a Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer, realizadora da ação cultural, o objetivo é criar  uma agenda permanente para a cidade, promovendo os artistas locais e ao mesmo tempo, trazer atrações de fora, num intercâmbio permanente.

    O Secretário Adjunto de Cultura, Gilmar de Almeida, diz que as ações promovidas neste ano “como o Circuito Cultural e Esportivo, desenvolvido na aniversário da cidade, o Encontro de  Cultura da Consciênca Negra, este evento, e outros, como as ações sistemáticas nas bibliotecas, as oficinas, as peças teatrais,  os saraus, Circuito Sesc, Circuito de Viola, tem como meta transformar tudo em agendas permanentes”. Além disso, prossegue, “teremos para o ano que vem várias outras ações como a caminhada do Axé, a primeira Convenção de Tatuagem da cidade, e o resgate de culturas de resistência. Tudo faz parte de um planejamento que estamos discutindo com todas as expressões culturais, democraticamente, para o futuro. Muitas novidades virão”, finaliza.

    Redação
    Redação
    View all posts by Redação
    Redaçãos website

    Deixe seu comentário